NOTÍCIAS

Produção industrial de calçados cai 3,2% em janeiro de 2019, segundo o IBGE

10/04/2019

Da Redação | Jornal da Franca
Foto: Divulgação
Publicado por: Vilmar Ramos

 

Os números deste início de ano não deixam dúvida: a crise que a indústria brasileira há tempos atravessa ainda não dá sinais de reversão.
 
m janeiro de 2019, a produção industrial nacional caiu 0,8% frente a dezembro de 2018 (série com ajuste sazonal),eliminando, assim, a variação positiva de 0,2% observada no mês anterior. Em relação a janeiro de 2018 (série sem ajuste sazonal), a indústria caiu 2,6%, após recuar também em novembro (-1,0%) e dezembro de 2018 (-3,6%).
 
O acumulado nos últimos 12 meses ficou em 0,5%, mantendo a perda de ritmo iniciada em julho de 2018 (3,4%). A publicação completa da Pesquisa Industrial Mensal (PIM) pode ser acessada à direita.
 
Janeiro 2019 / Dezembro 2018 -0,80%
Janeiro 2019 / Janeiro 2018 -2,60%
Acumulado em 2019 -2,60%
Acumulado em 12 meses 0,50%
Média Móvel Trimestral -0,20%
 
13 dos 26 ramos industriais caíram
 
No recuo de 0,8% da indústria na passagem de dezembro de 2018 para janeiro de 2019, três das quatro grandes categorias econômicas e 13 dos 26 ramos pesquisados tiveram quedas na produção. Entre as atividades, a influência negativa mais significativa foi de produtos farmoquímicos e farmacêuticos (-10,3%), revertendo, dessa forma, o crescimento de 7,8% acumulado em novembro e dezembro de 2018. Vale destacar os resultados negativos de indústrias extrativas (-1,0%), máquinas e equipamentos (-2,9%), celulose, papel e produtos de papel (-2,6%), coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (-0,8%), outros equipamentos de transporte (-5,1%), couro, artigos para viagem e calçados (-3,2%) e veículos automotores, reboques e carrocerias (-0,5%).
 
Produção Industrial por Grandes Categorias Econômicas - Brasil - Janeiro de 2019
 
Grandes Categorias Econômicas Variação (%)
Janeiro 2019/Dezembro 2018* Janeiro 2019/Janeiro 2018 Acumulado no ano Acumulado nos Últimos 12 Meses
Bens de Capital -3,0 -7,7 -7,7 5,5
Bens Intermediários -0,1 -1,3 -1,3 -0,1
Bens de Consumo -0,3 -3,4 -3,4 0,8
Duráveis 0,5 -5,5 -5,5 5,8
Semiduráveis e não Duráveis -0,4 -2,9 -2,9 -0,5
Indústria Geral -0,8 -2,6 -2,6 0,5
Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Indústria        *Série com ajuste sazonal
Por outro lado, entre os 13 ramos que crescer